Boas Lembranças


O Profeta Jeremias estava num estado de profunda tristeza. Seu coração parecia vazio de boas lembranças. Por quê? Por causa da desolação lastimável de Jerusalém, uma cidade em ruínas e a sua população sujeita ao escárnio de seus inimigos. Em sua angústia, Jeremias exclamou: “Quero trazer à memória o que me pode dar esperança” (Lm 3:21). Deus ouviu o anseio do coração deste servo fiel, iluminando os olhos da sua alma para saber qual é a esperança do seu chamamento, (Ef.1:18). A nossa esperança nasce quando redescobrimos e acreditamos nas virtudes de Deus. Jeremias relembrou de três atributos que trouxeram encorajamento ao seu coração. Estão nos versículos seguintes, Lm 3:21-24:

1. “As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos” V22. O Ap. Paulo, apesar de inimigo da igreja de Cristo nos dias da sua incredulidade, confessou humildemente: “Mas obtive misericórdia” (1 Tm. 1:13). “No Senhor há misericórdia; nele copiosa redenção” (Sl. 130:7). Ele tem poder para nos remir (libertar) de todas as nossas angústias. Ele tem compaixão de nós.

2. “Grande é a sua fidelidade” V.23. O Salmista, experimentando a proteção e a fidelidade de Deus quando cercado por seus inimigos, exclamou: “A tua benignidade, Senhor, chega até aos céus, até às nuvens, a tua fidelidade” (Sl. 36:5). O Ap. Paulo, querendo encorajar a Igreja perseguida, disse: “Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação vos proverá livramento, de sorte que a possais  suportar” (I Co. 10:13).

3. “A minha porção é o Senhor” V24. O Salmista alegrou-se, proclamando: “O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio” (Sl. 46:11). Cristo prometeu: “E eis que estou convosco, todos os dias, até a consumação do século” (Mt. 28:20). Com o Senhor ao nosso lado, somos mais que vencedores (Rm. 8:34).

Em nossos momentos de aflição, vamos imitar o Profeta Miquéias, que testemunhou: “Eu, porém, olharei para o Senhor e esperarei no Deus da minha salvação; o meu Deus me ouvirá” (Mq. 7:7). Olhamos para o Senhor a fim de contemplar as suas virtudes: a sua misericórdia, a sua fidelidade e a sua condescendência para conosco. 

por Rev. Ivan G. G. Ross

Texto e imagem: Blog Boletim IPBV

Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

5 comentários:

  1. Bom dia de domingo e que bom ler logo de manhã
    essas palavras divinas, que alegra nosso dia, desejar
    o melhor a cada um é um dom que Deus tbém deseja pra nós
    gostei de ler e elogio vc pelo post tão bonito
    Tenha um domingo feliz....Que o senhor esteja sempre conosco
    Abraços com carinho
    Bjussss
    ____________Rita!!!!

    http://cantinhovirtualdarita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rita. Obrigada pela visita. Que você tenha uma semana na presença de Deus.

      Abraços. Fabiana.

      Excluir
  2. Realmente, Fabiana, como é importante nos preenchermos com as coisas de Deus para que o desânimo não atinja nossa alma. Beijos, Paula

    ResponderExcluir
  3. Amém!
    Lindas palavras minha amiga, Deus é maravilhoso!

    Bjs, fica sempre na paz do Senhor!

    ResponderExcluir
  4. Obrigada a todas pela visita e pelas palavras tão gentis e válidas deixadas aqui :)

    Abraços. Fabiana.

    ResponderExcluir

Olá! Obrigada pela visita ao blog :) Todos os comentários são moderados e, por isso, pode demorar um pouquinho para que sejam publicados ;)

  • Home
  • Quem faz
  • Receitas em Vídeo
  • Minhas Viagens
  • Anuncie no Blog
  • Contato